Corbélia, sexta-feira, 20 de maio de 2022 ESCOLHA SUA CIDADE

Esportes

19/01/2022 | Concebido por Goioerê

Robinho é condenado a nove anos de prisão por violência sexual

Robinho é condenado a nove anos de prisão por violência sexual

Em julgamento nesta quarta-feira (19), a Corte de Cassação de Roma, última instância da justiça italiana, rejeitou o recurso apresentado pelo jogador Robinho e confirmou a condenação do atacante a nove anos de prisão por violência sexual de grupo. A decisão não cabe mais recurso.

Com a confirmação da sentença, a justiça italiana poderá pedir a extradição de Robinho, mas dificilmente o jogador será mandado para a Itália, uma vez que a constituição brasileira veta a extradição de brasileiros. Com base neste critério, a Itália pode pedir que o acusado cumpra a pena em uma penitenciária brasileira.

Para que a prisão de Robinho aconteça, é necessário que a Itália peça a transferência de execução de pena à justiça brasileira e espere que o Superior Tribunal de Justiça faça a homologação da sentença estrangeira. De acordo com a Secretaria de Cooperação Internacional da Procuradoria Geral da República, “não existe um prazo para o trâmite do processo”.

 

PUBLICIDADE

Fonte: GOIOERÊ | CIDADE PORTAL | ISTOÉ

OPINE!

CIDADE PORTAL
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso.

Desenvolvido por Cidade Portal