Corbélia, terça-feira, 19 de novembro de 2019 ESCOLHA SUA CIDADE

Região

25/02/2018 | Concebido por Campo Mourão

Acidente entre CM e Farol mata esposa do ex-prefeito de Boa Esperança e deixa 2 feridos

Acidente entre CM e Farol mata esposa do ex-prefeito de Boa Esperança e deixa 2 feridos

Um grave acidente na noite deste sábado (24), na rodovia BR-272, entre Campo Mourão e Farol, deixou uma pessoa morta e outras 2 feridas. O acidente envolveu uma camionete S-10, com placas de Boa Esperança e um caminhão carregado com soja. A passageira da S-10, identificada como Madalena Valeze (idade não confirmada), era esposa do ex-prefeito e professor de Boa Esperança, Adolfo Evaldo Valeze, que conduzia o veículo. A filha do casal, Franciele Helbel Valeze também estava na camionete e ficou ferida. 

Segundo informações, Adolfo e Franciele sofreram ferimentos considerados graves, sendo encaminhados por equipes do Corpo de Bombeiros e Samu ao Hospital Santa Casa de Campo Mourão. O motorista do caminhão (identidade ainda não confirmada) nada sofreu. Segundo informações, os ocupantes da S-10 vinham a Campo Mourão para participar de uma formatura. 

Conforme apurou a reportagem da TRIBUNA, que esteve no local do acidente, os dois veículos seguiam sentido a Campo Mourão quando em um determinando momento a S-10 atingiu violentamente a traseira do caminhão, ficando completamente destruída. Com o impacto, a carroceria do veículo estourou, deixando a carga de soja espalhada na pista. A via ficou bloqueada, causando um grande congestionamento.  

Adolfo foi socorrido por terceiros e Franciele por uma ambulância avançada do Samu. O corpo de Madalena foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Campo Mourão. 

Cidade em luto

A reportagem conversou com o prefeito de Boa Esperança, Wenderson Aparecido Pereira dos Santos (PSB), que lamentou a fatalidade. Ele disse que vai decretar luto oficial de três dias pela morte de Madalena. Segundo o gestor a notícia do acidente comoveu a cidade. “É uma perda muito grande”, falou. Ele disse que professor Adolfo é seu padrinho de casamento e que a família é muito querida no município. Madalena era professora aposentada e comerciante, proprietária de uma farmácia na cidade, era também bioquímica por formação. “Era uma pessoa muito benquista”, ressaltou Santos.

 

PUBLICIDADE

Fonte: CAMPO MOURÃO | CIDADE PORTAL | Matéria: Tribuna do Interior | Fotos: Dione Correa

OPINE!

CIDADE PORTAL
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso.

Desenvolvido por Cidade Portal